nascer_sol_meditacoes_2018

A Remuneração das Mulheres

Saudai a Priscila e a Áquila, meus cooperadores em Cristo Jesus, os quais pela minha vida expuseram as suas cabeças; o que não só eu lhes agradeço, mas também todas as igrejas dos gentios. (Romanos 16:3-4).

O Senhor tem uma obra para as mulheres, da mesma maneira que para os homens. Elas podem efetuar uma boa obra para Deus, caso aprendam primeiro na escola de Cristo a preciosa e importante lição da mansidão. É necessário que não somente usem o nome de Cristo, mas que Lhe possuam o Espírito. Testemunhos para a Igreja, Vol. 6, 117. [II TSM 404]. (mais…)

Leia Mais

nascer_sol_meditacoes_2018

Homens e Mulheres na Obra

Recomendo-vos a Febe, nossa irmã, que é serva [diaconisa] da igreja que está em Cencréia, para que a recebais no Senhor, como convém aos santos, e para que a ajudeis em qualquer coisa que ela de vós necessitar; porque ela tem sido ajudadora de muitos, e também de mim. (Romanos 16:1-2). BKJ.

As mulheres podem ser instrumentos de justiça, prestando santo serviço. Foi Maria quem primeiro pregou Jesus ressuscitado. … Se houvesse vinte mulheres onde há agora uma, as quais fizessem dessa santa missão seu trabalho apreciado, veríamos muitos mais conversos à verdade. A influência enobrecedora, suavizante, de uma mulher cristã, é necessária na grande obra de pregar a verdade. (RH, 2 de janeiro de 1879). Evangelismo, 471-472. (mais…)

Leia Mais

A participação das mulheres no Adventismo

As mulheres sempre desempenharam uma parte na obra de Deus, e não foi diferente no Movimento Adventista. Várias mulheres tiveram papel importante na formação do adventismo, principalmente com seus exemplos de consagração cristã e discernimento. Também nas qualidades como dedicação, lealdade e humildade. Em seguida, faremos um breve relato das histórias de algumas destas mulheres. (mais…)

Leia Mais

nascer_sol_meditacoes_2018

O Papel das Mulheres na Igreja

Portanto, meus amados e muito queridos irmãos, minha alegria e coroa, estai assim firmes no Senhor, meus amados. Rogo a Evódia e rogo a Síntique [nomes gregos femininos] que sejam da mesma mente no Senhor. E admoesto-te também a ti, meu verdadeiro companheiro, que ajudes essas mulheres que trabalharam comigo no evangelho, e também com Clemente, e com os outros cooperadores, cujos nomes estão no livro da vida. (Filipenses 4:2-3). BKJ.

Quando se tem a fazer uma grande e decisiva obra, Deus escolhe homens e mulheres para realizá-la, e ela sofrerá o dano caso os talentos de ambas as partes não se aliarem. (Carta 77, 1898). Evangelismo, 469. (mais…)

Leia Mais

Sobre: A Igreja de Deus Através dos Séculos – Parte 2

Nos Estudos Especiais para o Lar e a Escola Sabatina deste trimestre (julho-setembro de 2018), continuaremos na jornada pela história da igreja de Deus.

Os estudos que tinham parado no legado de João Huss, são retomados com Martinho Lutero. Ele, que é um dos reformadores mais conhecidos na cristandade, terá bastante destaque.

Nesta segunda parte, estudaremos o tortuoso caminho que esse servo de Deus trilhou para chegar à clara compreensão da decisiva mensagem da justificação pela fé. Acompanharemos seu combate das vendas de indulgências, sua excomunhão da igreja católica, sua presença na ilustre assembleia de Worms na Alemanha, entre tantos outros fatos importantes de sua vida. (mais…)

Leia Mais

nascer_sol_meditacoes_2018

Rebatismo devido a Nova Luz

[Paulo] Disse-lhes: Recebestes vós já o Espírito Santo quando crestes? E eles disseram-lhe: Nós nem ainda ouvimos que haja Espírito Santo. Perguntou-lhes, então: Em que sois batizados então? E eles disseram: No batismo de João. (Atos 19:2-3).

Chegando a Éfeso, Paulo encontrou doze crentes que, como Apolo, tinham sido discípulos de João Batista, e como ele alcançado algum conhecimento da missão de Cristo. Eles não tinham a habilidade de Apolo, mas com a mesma sinceridade e fé estavam procurando espalhar o conhecimento que possuíam. […] (mais…)

Leia Mais

nascer_sol_meditacoes_2018

Jesus – Meu Perfeito Modelo

Quem pode entender os seus erros? Expurga-me tu dos que me são ocultos. (Salmos 19:12).

Cristo é nosso modelo, o perfeito e santo exemplo que nos é dado seguir. Não podemos nunca igualar o modelo, mas podemos imitá-lo e nos assemelharmos a ele segundo nossa capacidade. (RH, 5 de fevereiro de 1895). MM (Ano: 2002), Cristo Triunfante, 203.

Precisamos desviar os olhos do que é desagradável, para Jesus. Cumpre-nos amá-Lo mais, obter mais de Sua atraente beleza e graça de caráter, e deixar de olhar aos erros e falhas dos outros. Devemos lembrar que nossos próprios caminhos não são perfeitos. Cometemos repetidamente erros. … Ninguém, senão Jesus, é perfeito. (Man. 24, 1892). MM (Ano: 1965), Para Conhecê-Lo, 136.

Mas os que esperam contemplar uma transformação mágica em seu caráter sem resoluto esforço de sua parte, para vencer o pecado, esses serão decepcionados. Não temos motivo para temer, enquanto olharmos a Jesus; razão alguma para duvidar de que Ele seja capaz para salvar perfeitamente a todos os que a Ele se chegam; mas podemos, sim, temer constantemente que nossa velha natureza de novo alcance a supremacia, que o inimigo elabore alguma cilada pela qual nos tornemos outra vez cativos seus. Devemos operar nossa salvação com temor e tremor, pois é Deus que opera em nós tanto o querer como o efetuar, segundo a Sua boa vontade. Com nossas faculdades limitadas, devemos ser tão santos em nossa esfera, como Deus é santo na Sua. Na medida de nossa capacidade, devemos tornar manifesta a verdade e o amor e a excelência do caráter divino. Como a cera toma a impressão do sinete, assim deve a alma tomar a impressão do Espírito de Deus e reter a imagem de Cristo.

Devemos crescer diariamente em amabilidade espiritual. Havemos de falhar muitas vezes em nossos esforços por copiar o Modelo divino. Muitas vezes havemos de prostrar-nos em pranto aos pés de Jesus, por motivo de nossas faltas e erros; mas não nos devemos desanimar; cumpre orar mais fervorosamente, crer mais plenamente, e de novo tentar, com mais constância, crescer na semelhança de nosso Senhor. À medida que desconfiarmos de nossa capacidade, confiaremos na capacidade de nosso Redentor, e renderemos louvor a Deus, que é a salvação de nossa face, e nosso Deus. (ST, 26 de dezembro de 1892). Mensagens Escolhidas, Vol. 1, 336-337.


Esta publicação está presente nas Reflexões Semanais 2018, para o pôr-do-sol de 3 de agosto de 2018.

Leia Mais

nascer_sol_meditacoes_2018

Olhai para Mim!

Olhai para mim, e sereis salvos, vós, todos os termos da terra; porque eu sou Deus, e não há outro. (Isaías 45:22).

Se alguém que diariamente comunga com Deus se desvia do caminho, se por um momento deixa de olhar firmemente para Jesus, não é porque peque deliberadamente; pois quando percebe seu erro, dá meia-volta e fixa os olhos em Jesus; e o fato de haver errado não o torna menos querido ao coração de Deus. (RH, 12 de maio de 1896). MM (Ano:1999), Este Dia com Deus, 134. (mais…)

Leia Mais

nascer_sol_meditacoes_2018

O Espinho na Carne de Paulo

Desde agora ninguém me inquiete; porque trago no meu corpo as marcas do Senhor Jesus. (Gálatas 6:17).

[Paulo] Devia levar sempre em seu corpo as marcas da glória de Cristo, em seus olhos, que tinham sido cegados pela luz celestial. História da Redenção, 275.

Paulo tinha uma aflição física; sua visão era ruim. Ele achou que, por fervorosa oração, a dificuldade pudesse ser removida. Mas o Senhor tinha Seu propósito e disse a Paulo: “Não Me fale mais nesse assunto. ’A Minha graça basta’. Ela o capacitará a suportar a enfermidade”. (Carta 207, 1899). Comentário Bíblico, Vol. 6, 1107. (mais…)

Leia Mais

nascer_sol_meditacoes_2018

Prosseguindo para o Alvo

Não que já a tenha alcançado, ou que seja perfeito; mas prossigo para alcançar aquilo para o que fui também preso por Cristo Jesus. Irmãos, quanto a mim, não julgo que o haja alcançado; mas uma coisa faço, e é que, esquecendo-me das coisas que atrás ficam, e avançando para as que estão diante de mim, Prossigo para o alvo, pelo prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus. Por isso todos quantos já somos perfeitos, sintamos isto mesmo; e, se sentis alguma coisa de outra maneira, também Deus vo-lo revelará. Mas, naquilo a que já chegamos, andemos segundo a mesma regra, e sintamos o mesmo. (Filipenses 3:12-16).

O próprio apóstolo [Paulo] esforçava-se por alcançar a mesma norma de santidade que apresentara a seus irmãos. […] Há um notável contraste entre pretensões vaidosas e de justiça própria daqueles que professam estar sem pecado e a modesta linguagem do apóstolo. Contudo, foi a pureza e a fidelidade de sua própria vida que deu poder às suas exortações a seus irmãos. Santificação, 86.

Ali [na Bíblia] se acha diante de nós a vida dos crentes, com todas as suas faltas e loucuras, que servem como uma lição a todas as gerações que os seguissem. Houvessem eles sido isentos de fraquezas, teriam sido mais que humanos, e nossa natureza pecaminosa desesperaria de nunca atingir a tal grau de excelência. Testemunhos para a Igreja, Vol. 4, 12. (mais…)

Leia Mais